Início > Sem categoria > No Vale do Elwy, com Hopkins

No Vale do Elwy, com Hopkins

In the Valley of the Elwy (Gerard Manley Hopkins)

 

I REMEMBER a house where all were good
To me, God knows, deserving no such thing:
Comforting smell breathed at very entering,
Fetched fresh, as I suppose, off some sweet wood.
That cordial air made those kind people a hood
All over, as a bevy of eggs the mothering wing
Will, or mild nights the new morsels of spring:
Why, it seemed of course; seemed of right it should.

Lovely the woods, waters, meadows, combes, vales,
All the air things wear that build this world of Wales;
Only the inmate does not correspond:
God, lover of souls, swaying considerate scales,
Complete thy creature dear O where it fails,
Being mighty a master, being a father and fond.

 

No Vale do Elwy (traduzido por Aíla de Oliveira Gomes)

 

Eu me lembro de uma casa onde a bondade era geral
Para comigo, que, Deus sabe, tão não merecia;
Reconfortante perfume respirava-se no que a porta se abria,
Como trazido, em seu frescor, de um refrescante vergel.
Aquele ar cordial, para aquela boa gente, era um dossel,
Qual p’ro montinho d’ovos é abrigo a asa materna,
Qual recobre as nesgas da primavera a noite terna:
E tudo aquilo parecia de direito, parecia natural.

Belos os bosques, águas, prados, montes, vales,
O ar vestindo as coisas que criam esse mundo de Gales —
Somente o hóspede não corresponde e se retrai:
Ó Deus, que amas as almas, acerta os pratos da balança,
Completa tua criatura onde ela falha e não alcança —
Pois que és Senhor poderoso e amoroso Pai.


Há outra tradução, no livro A poesia difícil, com os poemas de Hopkins traduzidos por Augusto de Campos. Mas, emprestei o livro, não sei mais a quem, e não o tenho mais, para colocar aqui essa tradução.

Anúncios
  1. 03/02/2013 às 22:31

    Belos os bosques, águas, prados, montes, vales, O ar vestindo as coisas que criam esse mundo de Gales — Somente o hóspede não corresponde e se retrai: Ó Deus, que amas as almas, acerta os pratos da balança, Completa tua criatura onde ela falha e não alcança — Pois que és Senhor poderoso e amoroso Pai.

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: